Biomédica Esteta diz que sucesso na carreira veio com a Pós

O sucesso na carreira estética leva em conta variáveis, como esforço e dedicação. A história dessa biomédica esteta tem todos esses ingredientes.

Sabe aquelas histórias que nos inspiram a sermos melhores e vencermos obstáculos a cada dia? Essa é uma delas. Juliana Tironi Machado Barberato é uma biomédica esteta que conta que o sucesso na carreira aconteceu na vida dela, mas não foi por acaso.

Após a graduação, ela deu continuidade nos estudos. Fez mestrado e a Pós-Graduação no Nepuga. Ainda assim, começou a vida profissional atuando como secretária de um médico. Aos poucos, conquistou experiência e pacientes até montar a sua própria sala de estética.

E quem pensa que a biomédica tinha chegado ao ponto máximo do seu sucesso está enganado. Atualmente, ela dá aulas em uma dezena de cursos da área e coordena alguns deles. Ficou interessado em conhecer mais de como tudo isso aconteceu? Continue lendo.

Uma surpresa das boas para a biomédica esteta!

Quando olha para trás, a Juliana se emociona ao notar como a sua vida mudou. Ela é formada em Biomedicina pela Unisa (Universidade de Santo Amaro), em São Paulo. Depois de 5 anos da graduação e perto de finalizar o mestrado foi que ela conheceu a Biomedicina Estética.

E foi por acaso! Essa é uma daquelas boas surpresas que a vida nos dá. E no caso da Juliana, ela aconteceu através da figura da Dra. Ana Carolina Puga. “Eu não tinha expectativas altas com a estética, mas optei por fazer uma pós-graduação na área por causa de um motivo”.

O motivo é que ela ficou sabendo de uma aula gratuita que estava sendo oferecida na Nepuga. A ideia é mostrar um pouco mais dos temas, das disciplinas e do que as pessoas iriam aprender naquele curso, que era precursor no país todo. A Biomédica decidiu ir.

E esse pode ter sido o pulo do gato para o sucesso na carreira estética dela. Afinal, ao assistir uma única aula da Mãe da Biomedicina Estética, ela pode se interessar pelas aulas e pelo tema. “Eu simplesmente amei a aula e tudo o que envolvia o assunto, que ia ser detalhado na especialização”.

Os desafios do mercado para a biomédica esteta

Depois da Pós-Graduação veio o sucesso na carreira estética, somado ao fato dela ter concluído também o mestrado. Assim, a biomédica começou a dar aulas. “Ao mesmo tempo, também fui para a parte prática, na clínica de estética, só que de um jeito diferente”.

biomédica esteta

Ela conta que começou a sua carreira como secretária de um médico endocrinologista que queria investir na área estética, mas ainda não tinha uma equipe para isso. A Juliana foi recrutada e aos poucos conseguiu o seu lugar de destaque.

Apesar de já ter a formação e a especialização, aceitei o convite porque vi que podia crescer na profissão. Aos poucos fui conquistando experiência e pacientes. Com isso, em menos de 1 ano, eu já tinha o meu espaço. Isto é, uma sala de estética dentro da clínica do médico”.

Hoje, há mais de 10 anos na área, a biomédica esteta continua no mesmo lugar, isto é, na mesma clínica. Porém, como uma parceira de negócios do médico.

Ao mesmo tempo, ela se apaixonou tanto pela área que além de atuar com as pacientes todos os dias, ela também coordena uma dezena de cursos na área da saúde, além de dar aula em alguns deles.

A busca pelo sucesso na carreira estética

O sucesso da biomédica esteta veio com o tempo e muito esforço. O Curso da Pós-Graduação em Biomedicina Estética abriu portas para ela, sendo que começou lá atrás, com aquela aula inaugural da Dra. Ana Carolina Puga.

Nos dias recentes, a biomédica é uma defensora da especialização em estética para os profissionais que também são graduados no mesmo curso que ela.

Para quem gosta e quer entrar na área, essa é uma opção porque a estética só cresce. Tem público para todos. Só é preciso saber se diferenciar no mercado”. Inclusive, conforme a Associação do Setor, o mercado da beleza cresceu mais de 500% nos últimos anos.

Assim, a Juliana completa, dizendo que: “Eu recomendo a Pós-Graduação para que outros profissionais possam se habilitar e consigam chegar a essa profissão dos sonhos”.

O mercado de estética no Brasil

No mundo, o mercado de estética deve ultrapassar a casa dos US$ 124,7 bilhões até o ano de 2028, conforme um dado da Grand View Research. Isso indica uma taxa de crescimento anual composta de 9,8%.

Entre os destaques está o Brasil. O nosso país é considerado o 3º maior do mundo no assunto da estética, perdendo apenas para Estados Unidos e China. As perspectivas chegam a R$ 47,5 bilhões para os próximos anos. Muitos profissionais estão deixando a CLT para investir na estética.

Entre todas as inovações da área, a da Biomedicina Estética é uma das que mais merecem atenção. Isso porque oferece muitas oportunidades como a harmonização facial, a ozonioterapia, a toxina botulínica, os microvasos, a intradermoterapia, entre outros.

Como vimos, o sucesso na carreira estética é possível, apesar de não ser fácil. Para isso acontecer, o primeiro passo é o estudo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2022 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - TERMOS DE PRIVACIDADE                        Feito pelo Grupo Puga&Nunes ❤