O perfil dos profissionais que se especializam em estética 2020/2021

A área da saúde estética não para de crescer no Brasil. Com o mercado de trabalho aquecido, cada vez mais profissionais da saúde estão migrando para o setor. Entre as razões para a alta na estética estão desde a lucratividade, até aumento na qualidade de vida.   Nesse contexto, a estética ganha notoriedade por estar […]

A área da saúde estética não para de crescer no Brasil. Com o mercado de trabalho aquecido, cada vez mais profissionais da saúde estão migrando para o setor. Entre as razões para a alta na estética estão desde a lucratividade, até aumento na qualidade de vida.

 

Nesse contexto, a estética ganha notoriedade por estar diretamente ligada à autoestima, autoconfiança, saúde e bem-estar de cada indivíduo. O que impulsiona cada vez mais a relação oferta-demanda no mercado, e motiva a nova geração de profissionais bem qualificados, que objetivam atender essa demanda biopsicossocial.

 

Diante dessa demanda da sociedade, o Nepuga/FAPUGA exerce seu papel como IES (Instituição de Ensino Superior) credenciada pelo MEC, atendendo tais necessidades educacionais. Com o intuito de lançar no mercado de trabalho profissionais da saúde especialistas responsáveis, qualificados e altamente requisitados, os cursos livres e pós-graduações foram disponibilizados.

 

Qual o perfil dos profissionais que se especializam em Saúde Estética?

 

A maioria esmagadora dos profissionais estetas continua sendo do sexo feminino, cerca de 92% dos alunos Nepuga/FAPUGA no ano de 2020/2021 se identifica como mulher, e 8% pertence ao público masculino. Gradativamente, a quantidade de pessoas de sexo masculino vem aumentando a cada ano.


Segundo levantamento realizado pela Comissão Permanente de Avaliação – CPA da IES, que atende as principais regiões urbanas do país, a maior parte dos futuros estetas se concentra nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul, como mostrado no gráfico abaixo.

Dessa maneira, é possível observar que o mercado da estética nesses estados é mais difundido. Além disso, das profissões que podem ser habilitadas para a estética, a divisão apresenta dados interessantes coletados pela instituição.

 

Cerca de 40% dos profissionais que se especializam em saúde estética são biomédicos, seguidos por farmacêuticos, enfermeiros, fisioterapeutas e biólogos.

 

Tais profissões da saúde de origem dão a bagagem teórica necessária para que os futuros estetas possam apreender todos os conhecimentos e experiências práticas para poderem trilhar seu caminho no mercado de trabalho.

 

Por que eles escolheram atuar na saúde estética?

Dra. Cássia do Carmo reside em São Carlos-SP, e trabalhou como enfermeira por mais de 20 anos, mas se encontrou na estética: “Eu precisei ficar afastada do meu trabalho, e nesse período encontrei qualidade de vida. Resolvi fazer a pós-graduação em enfermagem estética para trabalhar com injetáveis, e agora eu tenho a minha própria clínica faz 1 ano”. 

“Então eu pensei em estética, pois vi na área uma possibilidade de crescimento, não só na parte de docência, mas também ao trabalhar com a beleza e autoestima do ser humano”, relata o Dr. e docente Farley Eleandro de Montes Claros-MG, que é biomédico e pós-graduando em Biomedicina Estética pela Nepuga/FAPUGA.

Dra. Gabriella Albino de Poços de Caldas – MG, é farmacêutica esteta e fala sobre sua mudança de vida,  “Dentro das opções que eu tinha, a estética é a que me daria a autonomia que eu queria. Não tem como não se apaixonar pela estética, em 1 mês a gente consegue mudar a vida de uma pessoa melhorando autoestima dela”, afirma.

farmácia estética

“Gosto da estética é que tenho possibilidade de trabalhar de forma independente. Como bióloga, como eu poderia ser independente? É muito mais complexo. Na estética, se você for um bom profissional, você consegue ser bem remunerado.”  relata a Dra. Patrícia Martins natural do Rio de Janeiro-RJ, pós-graduanda em Biologia Estética pela Nepuga/FAPUGA.

A biomédica e farmacêutica Dra. Graziella Souza de Ibiá – MG, encontrou na especialização em estética algo que estava buscando há muito tempo. “A estética sempre foi uma vontade minha desde quando eu terminei a graduação. Eu não queria ficar presa à drogaria e hospitais, eu queria ter o meu consultório e flexibilizar meus atendimentos”.

Enfermagem Estética

 A Dra. Jéssica Flores de Nova Hamburgo – RS, é enfermeira esteta e conta como foi seu início na área da estética, “Comecei a oferecer limpeza de pele e peeling de diamante. Em novembro de 2020 decidi que precisava de novos rumos profissionais e decidi me matricular na pós, desde então sigo me especializando”.

 “Hoje, sem especialização fica mais difícil conquistar uma estabilidade financeira. Por isso, aconselho a todos se dedicarem cada vez mais a ser o melhor profissional para seus pacientes. Nem tudo visa somente dinheiro, lidamos com vidas e sentimentos”, aconselha a Dra. Simone Maria de Lima Silva, de Carapicuíba-SP, pós-graduanda em farmácia estética.

Últimas Noticias
A beleza invisivel-saúde estética- Dra Ana Carolina Puga
19 de janeiro de 2022

Dra. Ana Carolina Puga lança seriado A Beleza Invisível

diretora do Nepuga fala sobre 2021
29 de dezembro de 2021

Um ano de superação: diretora pedagógica do Nepuga fala sobre 2021

Informativo Dezembro 2021
3 de dezembro de 2021

Informativo Dezembro de 2021

ciclo palestras nepuga
2 de dezembro de 2021

3°Ciclo de Palestras Nepuga 2021: Terapias alternativas aplicadas ao emagrecimento são temas do segundo dia


  • Administração
  • Gestão Hospitalar
  • Nepuga
  • Ana Carolina Puga
  • Contato
  • Tutoriais
  • Portal do Aluno
  • Portal do Docente
  • Normas Docente
  • Regimento
  • Editais
  • Ouvidoria