Ozônio é aliado no tratamento de sequelas do coronavírus

A relação entre o gás ozônio e o coronavírus tem sido muito discutida e estudada desde o início da pandemia. Pesquisas sobre os efeitos dos tratamentos com essa terapia trouxeram diversos resultados positivos, mostrando melhora inclusive nas sequelas do coronavírus.   Sendo uma patologia sistêmica, o covid- 19 provoca complicações em diversos órgãos e sistemas […]
ozônio tratamento covid

A relação entre o gás ozônio e o coronavírus tem sido muito discutida e estudada desde o início da pandemia. Pesquisas sobre os efeitos dos tratamentos com essa terapia trouxeram diversos resultados positivos, mostrando melhora inclusive nas sequelas do coronavírus.

 

Sendo uma patologia sistêmica, o covid- 19 provoca complicações em diversos órgãos e sistemas orgânicos. No entanto, quem é atingido por essas consequências encontra na ozonioterapia um método de tratamento. “A ozonioterapia é uma terapia complementar para diversas patologias, em diversas doenças. Então ela complementa e auxilia em muitos casos”, ressalta a Ma. Ana Carolina Puga.

 

Através da ozonioterapia é possível evitar agravamentos e até reverter alguns dos principais danos causados pela covid. Isso porque ao utilizar suas propriedades curativas em tratamentos, a técnica age positivamente em diversos órgãos e funções do organismo. 

 

Um motivo para aplicar a ozonioterapia

Amplamente utilizada por diversos profissionais, associações como a Aboz lutam para abrir caminho para pesquisas e possíveis implementações. No entanto, alguns profissionais da área já se habilitaram e utilizam as técnicas de ozonioterapia pessoalmente e profissionalmente.

 

Esse é o caso da Dra. Solange Maria, que é farmacêutica esteta e associa a ozonioterapia em seus protocolos. Ela conta que após perder seu pai e seu sogro vítimas da covid, ficou sensibilizada, e quando o irmão e a mãe também contraíram o vírus ela decidiu entrar em ação.

 

“Eu vi que o ozônio ajudava muito no quadro pós-covid, e até mesmo em alguns protocolos para covid já que ele ajuda no sistema imunológico. Então quando a minha mãe pegou covid, eu ajudei a curar ela com ozônio, a partir daí eu comecei a associar a ozonioterapia e a complementar os tratamentos que eu ofereço”, conta ela.

 

A Dra. ainda relata que da experiência que teve aplicando em seus familiares, o saldo foi muito positivo. A Dra. Solange comenta que observou uma melhora nos sintomas de imediato e também possibilitou uma recuperação mais rápida para ambos.

Ozonioterapia

A atuação do ozônio nas sequelas do coronavírus

A Dra. Cynthia Heckert Brito é cirurgiã dentista, especialista em ozonioterapia e docente na pós-graduação em ozonioterapia do Nepuga/FAPUGA, ela explica como funciona o ozônio no contexto da covid-19, “O ozônio pode ser utilizado de maneira preventiva ao covid, devido ao aumento do sistema imunológico, por ação antimicrobiana e regulatória do sistema, então vale muito a pena utilizar tanto antes quanto depois”.

 

Além disso a Dra. explica como funciona a aplicação de ozônio nos casos de pós-covid, “A gente pode dizer que o covid afetou a parte respiratória desses pacientes, e muitas das sequelas foi devido a hipóxia, a falta de oxigenação nos tecidos. Então o ozônio devolve a oxigenação ao corpo”.

 

A especialista conta que a maior procura pelo tratamento é para reduzir as sequelas na perda de olfato e paladar. “A aplicação do ozônio auricular faz a drenagem dos seios nasais, estimulando o reparto nessa região e melhorando. O gás também pode modular algumas questões hormonais como citocinas inflamatórias, melhorando inflamações e dores tanto musculares quanto articulares”, diz ela.

 

Algumas das propriedades do gás mais conhecidas são:

 

  • Reduzir quadros inflamatórios;
  • Estimular a circulação sanguínea;
  • Restabelecer as funções celulares.


Isso porque a oxigenação do corpo também é garantida, o que melhora amplamente a ação do sistema imunológico e também revigora as funções dos órgãos e seus sistemas biológicos.

 

“Com a oxigenação, qualquer processo de reparo e recuperação é melhor, sem dúvida alguma, por isso ele é capaz de tratar algumas das sequelas”, finaliza a Dra. Cynthia Brito.

Últimas Noticias
Pós-graduação Ozonioterapia
12 de janeiro de 2022

Pós-graduação em Ozonioterapia terá duração de 6 meses em 2022

Saúde Integrativa
12 de outubro de 2021

Saúde Integrativa: entenda o que é e seus benefícios na Estética