Nova Resolução: CFBM autoriza Biomédicos a solicitarem exames laboratoriais

Podem solicitar exames laboratoriais biomédicos com habilitações em diversas áreas, como estética, práticas integrativas e complementares, entre outras. Veja!
exames laboratoriais

O mês de abril já começou com novidades para os biomédicos estetas, integrativos e habilitados em outras áreas específicas que poderão solicitar exames laboratoriais. A categoria vem ocupando cada vez mais espaços no setor da saúde, alcançando mais liberdade e autonomia para evoluir nos tratamentos e, assim, proporcionar uma melhor qualidade de vida para seus pacientes. 

Na segunda-feira, 12, o Conselho Federal de Biomedicina Estética (CFBM) publicou a Resolução Nº 347/2022, que dispõe sobre a solicitação de exames laboratoriais em áreas específicas da biomedicina. 

“Finalmente, nós Biomédicos Estetas, conseguimos o que tanto queríamos: podemos solicitar exames laboratoriais! Isso é essencial e muito importante na triagem e no acompanhamento do nosso paciente estético, pois qualquer alteração metabólica dele pode impossibilitá-lo de fazer diversos procedimentos estéticos. Com essa autorização do CFBM, poderemos trabalhar com mais segurança ainda no quadro de cada paciente. Sem contar que há anos vínhamos pedindo uma resolução onde pudéssemos utilizar nossos conhecimentos laboratoriais dessa forma”, ressalta a Dra. Ana Carolina Puga, fundadora e diretora geral do Nepuga/Fapuga. 

Continue lendo e entenda melhor sobre a nova resolução e os benefícios que ela traz para os biomédicos estetas e integrativos. 

Biomédicos podem solicitar exames laboratoriais

A Resolução Nº 347/2022 vem para trazer a autonomia necessária para os biomédicos solicitarem os exames laboratoriais que julgarem necessários para seus pacientes. 

Segundo o Artigo 1º da Resolução, “compete ao biomédico a solicitação de exames laboratoriais para acompanhamento necessário ao exercício profissional nas seguintes atividades e habilitações: fitoterapia, medicina tradicional chinesa, ozonioterapia, perfusão extracorpórea, aconselhamento genético, biomedicina estética e fisiologia esporte e da prática do exercícios físico”. 

Benefícios para os Biomédicos Estetas e Integrativos 

Essa resolução é um passo fundamental para a autonomia do Biomédico Esteta na triagem e no acompanhamento dos pacientes. Uma vez que qualquer alteração metabólica de uma pessoa pode impossibilitá-la de fazer procedimentos estéticos. 

A Dra. Ana Carolina revela que há anos vinha pedindo junto ao Conselho uma resolução onde os biomédicos pudessem utilizar todos os conhecimentos laboratoriais que possuem. 

“Com essa liberação poderemos trabalhar com mais segurança ainda no quadro de cada paciente. A resolução 374/22 se estende para todas as outras áreas da biomedicina que lida diretamente com o paciente, o que inclusive, essa proximidade é fruto de uma grande conquista que alcançamos lá em 2010, com a resolução da Biomedicina Estética, onde abrimos as portas para diversas outras habilitações para o biomédico atuar com o bem-estar das pessoas, como com as PICs (Práticas Integrativas e Complementares), a ozonioterapia, fitoterapia, fisiologia do exercício e entre outras”, explica a Dra. 

Nas aulas das pós-graduações e cursos do Nepuga, já serão ensinadas as solicitações de exames relacionadas a cada procedimento estético.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Noticias
informativo maio
5 de maio de 2022

Informativo Maio de 2022

12 de abril de 2022

Naturopatia Quântica: medicina ou terapia?

nepuga
8 de abril de 2022

Aulas Práticas: veja os Polos Nepuga abertos para agendamento

informativo abril
4 de abril de 2022

Informativo Abril de 2022